"BIOGRAFIA"

 

"Orides Siqueira"

 
 

Orides Corrêa Siqueira – usa o nome literário de "Orides Siqueira" - natural de Jaguarão – Arroio Grande – Rio Grande do Sul – Brasil – nascido a 24 de Junho de 1954 - Militar da reserva renumerada. Poeta e Escritor, começou a sentir a sua veia poética desde os seus 15 anos e conta já com duas mil poesias publicadas. Filho de Marcos Siqueira Filho e de Ofrasina Corrêa Siqueira. Casado com a professora GIOVANA pai da Geórgia e do Marquinho, nascido na histórica SEIVAL criado na heroica JAGUARÃO encontra-se radicado há mais de 30 anos em ARROIO GRANDE RS terra de sua esposa  e dos filhos. Está ligado ao “Recanto das Letras”; tem mural no Facebook. Actualmente é membro de “Confrades da Poesia” Amora / Portugal

 

 Sites / Blogs:

http://oridespoeta.blogspot.pt/
 
BIBLIOGRAFIA:

publicou 6 livros de poesias; 5 infantis; 2 de crónicas. – recentemente editou “Palavras”;

 

AS DESEJADAS RUGAS
 
Rugas
É a foto da vida vivida
Vivencias que voaram sem se despedir
E configuraram o hoje
O que fomos
Sempre caminha de mão com o que somos
E vive
Como  uma criança que brinca no pátio da vida
  
 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
 
 
MULHER DEPOIS DOS 45
 
Embaladas
Ao som de Beatles e Bob Dylan
Herdeiras da revolução sexual da década de 60
Passarão por vários filtros
E sabem discernir liberdade
De libertinagem
 
 
Nunca vêem homem como inimigo
Mas...
Não precisam de homem
Para levar a toalha de banho
Ou correr com o rolo de papel higiênico
Quando este tragicamente termina
Sabem que emancipar-se
Não é afogar-se
E é melhor pactar do que extrapolar
 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
 
 
 
MULHER
 
Mulher é poesia
Em uma rima com aroma
 
É escrever com pétalas
Te quero
E com espinhos
Te amo
 
É uma metamorfose
A perfumar as silabas
 
 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
ESPÍRITO DO AMOR

Em giros formas e modismos
Cheio de mistérios
Entre a alma e o corpo
Usando a relação
Da sedução
 
Sou este ser sem noção
Embriagado com o perfume da flor
Na mais perfeita comunhão
Com a filosofia do querer
Com formação na academia de ciências do amor
 
E pós-graduação
Em coisas do coração
Dou meu veredicto de conclusão
Que a paixão é um espírito de amor
Em constante evolução
 
 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
 
CHAPECOENSE
 
Não me culpem
Pela lágrima que desce
Ela é um componente inverso
Que vem com as tristezas que a vida oferece
Os cartões vermelhos e amarelos
Foram trocados pelo preto do luto
E todos os chutes ficaram ao Léu
Porque a nossa chapecoense
Foi chamada
Para uma final no céu
Onde o arbitro sempre é Deus
E o apito final foi o silêncio do adeus
 
 
Orides Siqueira
Rio Grande do Sul/BR
ENTRE OS ENTRES
 
És essa utopia
Que inalo, exalo e calo
 
E divago
Com palavras
Para divagar abstinências
 
E despenteio meu tempo
Controlo a sede
Porque existem beijos a beber
 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
 
 
 
 
EMBRIAGUEZ  EMOCIONAL
 
Tem
Alguma coisa em ti
Que provoca tudo em mim
 
Coisas entre tantas coisas
Que nascem
E morrem por estarem vivas
 
A metamorfose do dia
A dor e o sorriso
O vento a acariciar no vôo livre
 
Pintura em movimento
Mantra em silêncio
 
Coisas que...
Causam encanto
E pranto
Nesta embriaguez emocional
 
 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
 
 
 
O MENINO PESCADOR


Um menino
Resolveu um certo dia que iria pescar
Preparou uma vara de pescar
Algumas minhocas para isca
E foi para o riacho pescar
Depois de três horas sem nada pescar
O menino triste resolveu tirar o anzol da água
E eis que para sua surpresa no anzol havia um pequeno peixinho
E para sua maior surpresa o peixinho iniciou a falar solte-me,solte-me
Olha sou um peixinho encantado se não me soltar
Vou transformá-lo em um sapo
E o menino ficou tão assustado com o peixe falante
E perdeu a voz
E quando viu, já era um sapo
E o peixinho esbravejou que isso que você me transformou
Eu sou um menino
O peixinho imediatamente a menino o transformou
E disse ao menino sempre respeite os mais fracos
Seja dos fracos um protetor
   

 
Orides Siqueira - Rio Grande do Sul/BR
 
 
 
 
 
 
 

"CONFRADES DA POESIA"

www.osconfradesdapoesia.com