"BIOGRAFIA"

"Ilze Soares"

 
Ilze Soares - nascida em 14 de agosto; natural de Pirassununga; São Paulo; Brasil. Formou-se no Magistério. Ilze Soares autora do seu ebook “Asas da Imaginação” ao ser prefaciada por Célia Jardim, que lhe deu relevo à sua própria biografia. “Ilze é a própria sensibilidade em pessoa! Sua simplicidade e seu carisma estão presentes em cada verso e basta ler esta poetisa, para se encantar com a mulher! Seus versos são esboçados pela alma e lapidados pela sua emoção. Encante-se com ela!”. Embora a autora assuma dizendo: “Não esperem encontrar obras de arte, escrevo aquilo que sai do meu coração, única e exclusivamente. Como sempre digo, não sou poetisa, sou apenas uma digitadora de sentimentos”. O seu cunho de arte como webmaster, partilha e difunde os seus poemas, bem como os poemas de seus amigos aos quatro cantos do mundo.
Está ligada à AVSPE; Recanto da Letras; Varanda das Estrelícias e outros; Actualmente é membro de “Confrades da Poesia” - Amora / Portugal
 
Bibliografia:
"Asas da Imaginação"
Sites:

http://www.nasasasdaimaginacao.net/

 


Biografia:
 
 
Sou feita do pó do chão,
animada pelo sopro da Criação
Sou pura emoção,
que brota do coração...
Sou realidade,
não gosto de falsidade,
amo a liberdade,
busco a felicidade...
Sou feita de átomos agregados,
de segredos bem guardados,
de amores perdidos,
de sonhos nem sempre realizados...
Sou pura energia,
repleta de alegria,
Sou raio de sol, areia do mar,
sou feita de bruta matéria,
que espera um dia alcançar,
a graça de mais etérea ficar...
Sou boa ou sou leoa,
sou como toda gente...
Às vezes cruel, outras complacente,
nem perfeita, nem incoerente,
Sou apenas humana.
 
 
Ilze Soares
Catanduva/Pirassinunga – SP/BR
 
 
 
 
 
PRECE DE UMA CRIANÇA
 
 
Papai do ceu, me ajude, por favor!
Não aguento mais tanta dor.
Hoje apanhei muito, o corpo marcado
mostra a força da vara na mão do meu pai...
Tenho fome, não tenho um pedaço de pão bolorado
para poder mastigar, e com toda esta dor,
não posso sair para mendigar.
Eu te peço, Papai do ceu, me ajude, por favor,
me leve daqui, me leve para o Senhor!
Não quero mais sofrer,
me deixe morrer!
 
Ilze Soares
Catanduva/Pirassinunga – SP/BR
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Cirandinha de Natal
 
 
 
Natal, festa cristã,
em que se comemora o nascimento
de Jesus, nosso irmão maior,
que nos falou muito sobre o amor,
a divina bondade
e a salvação pela caridade.
Época em que reina a fraternidade,
todos se tornam melhores
e no ar paira a felicidade!
 
 
 
 
 
 
Ilze Soares
Catanduva/Pirassinunga – SP/BR
Apresentação
 
 
Amante da poesia,
faço versos com o coração,
sem nenhuma pretensão
de ser poetisa um dia.
Respiro alegria,
expiro otimismo.
Sou feliz por opção.
Escrevo com emoção.
Minha aparência é normal,
nem bonita nem feia,
nem gorda nem magra.
Feita de carne e osso
e muito conteúdo,
sou igual a todo mundo.
Sei o que quero
e mais ainda o que não quero!
Tenho uma fé profunda
e muito discernimento
do que é imaginário ou real.
Sou comum, mas não banal.
 
Ilze Soares
Catanduva/Pirassinunga – SP/BR
 
 
 
 
 
 
 
MARIA ALGUEM
 
 
 
Sou Maria Alguem,
que não é de ninguem.
Apenas mulher que luta, batalha,
como qualquer outra neste pais!
Extravaso sentimentos atraves da poesia,
onde falo de amores, dores, muita alegria.
Sou uma mulher realizada e feliz,
que conquistou quase tudo que quis.
Por tudo isso, sou Maria Alguem
que não é de ninguem,
apenas aquela a quem Deus
muito deu!
 
 
Ilze Soares
Catanduva/Pirassinunga – SP/BR
 
 
 
 
 
Amor Virtual
 
 
Cuidado com os amores virtuais!
São como todos os outros amores
Provocam as mesmas dores
Daqueles que consideramos normais.
Talvez até mesmo mais!
Não podemos trocar olhares,
Analisar fisionomias...
Quando acaba um amor virtual,
Doe tanto quanto um amor real.
O dia perde a claridade,
Vai-se a nossa alegria,
Silencia-se a poesia
E o mundo parece desabar...
Onde foi parar a tal felicidade?
É tudo tão igual!
 
 
Ilze Soares
Catanduva/Pirassinunga – SP/BR
 

 
 
 

"CONFRADES DA POESIA"

www.osconfradesdapoesia.com