"BIOGRAFIA"

 

"Angélica Gouvea"

 
Maria Angélica Gouvea Azevedo. Usa o pseudónimo literário de “Angélica Gouvea”. É mineira da cidade de Luminárias – Minas Gerais – Brasil. Nascida a 21 de Abril de 1959. Casada, tem 3 filhos.
No momento está aposentada. Gosta da modalidade poética dos ACRÓSTICOS. É através dos poetas amigos, dá como exemplo de Fábio Brandão, coloca ao lado o seu acróstico, a fim de prestigiar esse mesmo autor.
É amante da leitura e procura inspiração nos textos que sempre lê, e p’la vida que a rodeia. Partilha os seus poemas no seu mural do Facebook. Faz parte do “Recanto das Letras” e de outros portais.
Atualmente é membro de “Confrades da Poesia” – Amora – Portugal
 
 

BIBLIOGRAFIA:

 
Site ou Blog:

 


DE QUE COR É TEU SANGUE?
 
 
 
Da igualdade se corre atrás
Isto só em Cristo satisfaz
A todos que neste dia
 
Desperte a consciência
A de não optar pela discriminação
 
Cresça em nós
O respeito pelo irmão,
No peito bate um coração.
Sedento de valorização,
Ciente de sua colaboração,
Inigualável na nação.
E m tudo se fez doação
N a vida da população
Cuidado com a
Ingratidão
A este povo e sua história,
 
No trabalho forçado
Enfim se libertou
Garantiu igualdade
Respeito e hombridade
Assim a sua trajetória
 
 
Angélica Gouvea - Luminárias-MG
 
 
 
 
ORAÇÃO PARA PEDIR O BOM HUMOR
 
 
 
Oro a Ti Senhor para
Recuperar o bom humor
Afaste de mim a tenta-
Ção e o temor
Abençoa meu dia para que seja em seu favor
Ouvindo tua voz a me falar de amor
 
Para que não guarde nem mágoa ou rancor
Atravesse meu dia buscando seu valor
Refletindo sempre para não cair em tentação
A de ferir com palavras duras o meu irmão
 
 
Peço sabedoria para caminhar
Em todos os lugares poder levar
De minha boca poder proclamar
Incentivos para não desanimar
R espeito eu poder ganhar
 
Oferecendo a alegria do meu coração
 
Buscando viver a união
Onde quer que for
Manter meu bom humor
 
Hoje quero agradecer
Um dia alegre ainda vou viver
Mesmo que seja na dor
Obrigada Senhor
Recorro sempre ao seu Amor.
 
 
Angélica Gouvea - Luminárias-MG
 
 
 
 
 
 
AINDA HÁ TEMPO
 
 
Ainda há tempo de sorrir
Ver uma nova alegria surgir
Ainda há tempo de chorar
Ver uma lágrima de alegria escorregar
 
Ainda há tempo de sofrer
Neste sofrer, com Jesus aprender
Que seu jugo é leve e suave
Que neste mundo não tem nada que nos entrave
 
Assim que esse tempo seja
De esperança benfazeja
Com sentido de eternidade
 
Vivendo somente para o alto
Sem tropeço ou sobre salto
E que seja esta a nossa realidade.
 
 
 
Angélica Gouvea - Luminárias-MG 
 
MÃOS FURADAS COMPROVAM
 
 
 
Mais que estarem furadas
A vida Dele não foi tirada
Os cravos que o sustentaram
São nossos pecados que O maltrataram
 
Foi por amor que sacrificou-Se
Uniu-nos ao Pai pela dor
Redimiu nossos pecados
Assim sem merecermos nos perdoou
Dando-nos a liberdade de segui-Lo
Apontando o caminho da salvação
São estas mãos que nos mostram a direção
 
Cabe a cada um de nós
Ouvir a tua voz.
Mudança de faz necessário
Para vivermos neste mundo precário.
Rico ficaram os teus versos
Onde mostrou o verdadeiro universo
Vazio o túmulo ficou
Aquele que tanto nos amou
Mãos furadas que sempre nos abençoou
 
 
 
Angélica Gouvea - Luminárias-MG
 
 
 
 
 
SETE CARACTERÍSTICAS DO LÍDER
 
 
 
Ser amplo na visão
E buscar um ponto de união
Traçar caminho com objetivos
E não esquecer os motivos
 
Com o quais se pôs em ação.
Assim sempre ter o controle na mão
Respeitando a todos e direcionando
A cada um que estiver sob seu comando
Caminhar pautado com certeza
Todos chegarão à vitória
E esta notícia é a fonte
Regada de uma forma contagiante
Incentivando a todos constantemente
Sempre se fazendo presente
Trabalhando junto com disposição
Isto mostrando motivação
Com uma alegria radiante
Assim um líder segue adiante
 
Desbravando com determinação
O caminho traçado.
 
Líder é todo aquele que cativa
Interage e incentiva
Demonstrando firmeza
Em toda as ações,
Repartindo vida e alegria aos corações.
 
 
Angélica Gouvea - Luminárias-MG
 
 
 
 
 
 
 
O QUE EU SOU?
 
 
Eu sou o absoluto do nada
Sou caminho que não direciona nada
Sou gota d'água no mar da vida
Sou grão de mostarda na esperança de vir a ser.
 
Árvore que os pássaros abriga
Sombra para o homem refrescar a fadiga
As mãos que ajudem na caminhada
Buscando a direção acertada.
 
 
Sou gente, sou pessoa
Não à toa, pois quero ser boa
Buscando o canto que entoa
 
A canção que trás a emoção
Para dentro do coração
Ser eu, ser pura doação;
 
 
 
Angélica Gouvea - Luminárias-MG
 

 
 
 

"CONFRADES DA POESIA"

www.confradesdapoesia.pt